Orquídea Sapatinho


Orquídea Sapatinho
Orquídea Sapatinho

O termo 'orquídea sapatinho' é informal e não tem embasamento científico. Trata-se de um nome popular para designar vários membros dos gêneros Paphiopedilum e Phragmipedium, dentro da família Orchidaceae.

Aqui no Brasil, os representantes mais comumente encontrados são o Paphiopedilum Leeanum, de origem asiática, e o Phragmipedium Sedenii, encontrado no continente americano. 

São orquídeas que vivem sobre o manto de folhas secas e detritos do chão das florestas, sendo portanto consideradas orquídeas terrestres, da mesma forma que a orquídea Cymbidium.

O cultivo de uma orquídea sapatinho varia bastante conforme o gênero. O Paphiopedilum gosta de locais mais sombreados, não necessitando de altos níveis de luminosidade para florescer. Pode ser plantado diretamente na terra ou em substrato próprio para orquídeas. Também pode ser utilizada uma mistura de materiais. Já o Phragmipedium pede um substrato mais úmido, podendo ser plantado diretamente em musgo sphagnum puro ou mistura de substratos, desde que tenham a capacidade de reter bastante água.

As orquídeas 'sapatinho' existem em uma profusão de cores e formas, sendo mundialmente apreciadas pelo formato único de suas flores que, infelizmente, não exalam perfume.